Candidata a vice em eleição de Associação de Vicente de Carvalho II registra agressão

Sandra afirma ter recebido ameaças e um soco do agressor

Uma das integrantes de uma chapa que concorre à eleição para a Associação dos Moradores do Jardim Vicente de Carvalho II, em Bertioga, registrou B.O. (Boletim de Ocorrência) na Delegacia da cidade, nesta semana, afirmando ter sido agredida por outro concorrente.
A funcionária pública municipal, Sandra Regina Domingos Fonseca, que afirmou disputar a vice-presidência da chapa 4, relatou à autoridade policial que foi agredida por Edivaldo Pereira Alves, candidato à reeleição pela chapa 3, no último domingo (16). Ela afirma que estava na casa do suposto agressor, para uma reunião junto com os demais integrantes das 04 chapas disputantes, quando Edvaldo que, segundo alegou estaria alcoolizado, não concordou com algumas ideias e pediu que ela se retirasse.
Quando já estava no quintal da residência, ele a teria puxado pelo braço, a ameaçado e dado um soco na altura de seu peito esquerdo. O fato teria sido presenciado por várias testemunhas.
Sandra contou que realizou exame de corpo de delito, mas o resultado não foi informado à reportagem.

Outro lado
O JCN (Jornal Costa Norte) também entrou em contato, via telefone, com o susposto agressor. Na noite desta sexta (21), ele pediu que a ligação fosse retornada pela reportagem, entretanto, logo em seguida, o número telefônico passou a não ser atendido. A ocorrência de ‘Lesão Corporal’ foi presidida pelo delegado Amir Ibrahim Júnior.
A eleição para o comando da Associação de Moradores do Bairro ocorre neste domingo (23), das 8h às 17h, na antiga fábrica de blocos, onde funciona o núcleo da ACCB (Associação Civil Cidadania Brasil).

Uma das integrantes de uma chapa que concorre à eleição para a Associação dos Moradores do Jardim Vicente de Carvalho II, em Bertioga, registrou B.O. (Boletim de Ocorrência) na Delegacia da cidade, nesta semana, afirmando ter sido agredida por outro concorrente.
A funcionária pública municipal, Sandra Regina Domingos Fonseca, que afirmou disputar a vice-presidência da chapa 4, relatou à autoridade policial que foi agredida por Edivaldo Pereira Alves, candidato à reeleição pela chapa 3, no último domingo (16). Ela afirma que estava na casa do suposto agressor, para uma reunião junto com os demais integrantes das 04 chapas disputantes, quando Edvaldo que, segundo alegou estaria alcoolizado, não concordou com algumas ideias e pediu que ela se retirasse.
Quando já estava no quintal da residência, ele a teria puxado pelo braço, a ameaçado e dado um soco na altura de seu peito esquerdo. O fato teria sido presenciado por várias testemunhas.
Sandra contou que realizou exame de corpo de delito, mas o resultado não foi informado à reportagem.

Outro lado
O JCN (Jornal Costa Norte) também entrou em contato, via telefone, com o susposto agressor. Na noite desta sexta (21), ele pediu que a ligação fosse retornada pela reportagem, entretanto, logo em seguida, o número telefônico passou a não ser atendido. A ocorrência de ‘Lesão Corporal’ foi presidida pelo delegado Amir Ibrahim Júnior.
A eleição para o comando da Associação de Moradores do Bairro ocorre neste domingo (23), das 8h às 17h, na antiga fábrica de blocos, onde funciona o núcleo da ACCB (Associação Civil Cidadania Brasil).

Notícias Relacionadas

Comentários estão fechados

Sistema Costa Norte de Comunicação