Cerimônia marca inauguração de ponto de coleta de óleo, em Guarujá

Local funciona de segunda a sexta, em horário comercial

Um ponto de coleta de óleo lubrificante foi inaugurado na tarde desta quinta-feira (03), no estaleiro Procyon, em Santa Cruz dos Navegantes, em Guarujá. A idealização e a criação do ponto fazem parte do programa ‘Manchas Órfãs – Conscientização da Comunidade Pesqueira e Náutica’, que integra a obra de aprofundamento do canal de acesso ao Porto, em parceria com a comunidade de pescadores, prefeitura e o empreendedor do estaleiro.
O objetivo é fazer com que os pescadores que tenham o óleo em mãos, ao invés de descartarem o material de forma incorreta, façam o depósito no estaleiro Procyon, onde está instalado o barril. Antes da instalação do ponto, os pescadores haviam levado uma quantidade significativa de óleo ao local, e nesta quinta-feira (03), aconteceu a primeira coleta por parte da empresa Lubrasil, responsável por levar o material para a usina de rerrefino.

Destinação sustentável
“É uma satisfação estar aqui concretizando essa ideia, pois geralmente, os projetos não saem do papel. Esse depósito dos pescadores e a coleta da empresa é a ponte que estava faltando para destinação sustentável”, ressaltou a chefe regional do Ibama, Ingrid Oberg.
A participação da comunidade pesqueira na atividade, além do benefício ambiental, trará também retorno financeiro, já que a empresa Lubrasil pagará por cada barril de óleo reciclado. Segundo os pescadores presentes na inauguração do ponto de coleta, o dinheiro que for recebido será revertido em cestas básicas, que serão doadas para os pescadores que mais necessitam.

Início de uma série
“Quando vejo que estamos nos organizando em relação a esse assunto, acho que é louvável. Esse é o início de uma série de outros pontos que serão instalados no município”, afirmou o secretário de Meio Ambiente, Élio Lopes, que representou a prefeita Maria Antonieta de Brito (PMDB) no evento.
Para encerrar a inauguração, os pescadores colocaram mais quantidade de óleo no barril, que ficou cheio e o material foi levado pela empresa Lubrasil para uma usina de rerrefino. O ponto coletor funciona de segunda a sexta, em horário comercial e está disponível para a população.

Notícias Relacionadas

Comentários estão fechados

Sistema Costa Norte de Comunicação