A criação do Fundo Municipal de Proteção e Bem-Estar Animal (FUMPA)

Em 05 de fevereiro de 2013, o vereador Capellini apresentou uma indicação ao Executivo na qual constavam dois anexos com as minutas de projetos para a criação de um núcleo de proteção animal vinculado à secretaria de Meio Ambiente – denominado CODEVIDA: Coordenadoria de Proteção à Vida Animal – e do Fundo Municipal de Proteção e Bem-Estar Animal, o FUMPA. O trabalho do vereador foi subscrito por todos os vereadores, a saber: Pacífico Jr., Elisabeth Consolo, Alemão, Toninho Rodrigues, Valéria Bento, Alecrim, Feliciano e Ivan de Carvalho. Naquela época, o júbilo de todos nós que trabalhamos com a proteção animal foi sendo substituído pela tristeza extrema: muito tró-ló-ló do Executivo e o engavetamento dos projetos. Durante os quatro anos que se seguiram, nossos anseios se transformaram em resignação.
Há pouco mais de dois meses, nosso prefeito atual, o sr. Caio Matheus, demonstrou sua preocupação com a causa e os planos para o desenvolvimento de ações  efetivas para a proteção animal ganharam força e destaque. Os projetos foram desengavetados, atualizados e alguns detalhes foram alterados, mas o escopo e a estrutura funcional para outros projetos correlatos permaneceram.
Nesta última quarta-feira, 07 de junho, e na presença de representantes da proteção animal, o sr. Caio Matheus assinou o Projeto de Lei para a criação do FUMPA, além de uma ordem de serviço para a fundação da Divisão do Bem-Estar Animal vinculada à secretaria de Meio Ambiente.
O projeto de Lei será encaminhado à Câmara Municipal para apreciação e votação. Esperamos que os vereadores, alguns deles pais fundadores dos projetos originais, aprovem sem demora e sem criar empecilhos desnecessários. O texto é claro, suas disposições não irão onerar o erário municipal e temos urgência em começar a “passar a sacolinha”…

“Este espaço é dedicado aos animais e sua integração com a natureza; suas características, hábitos, comportamentos, interação e dependência das ações humanas”

Maíra Eugênia Caralli

Notícias Relacionadas

Comentários estão fechados

Sistema Costa Norte de Comunicação