Desfile revela capricho de escolas públicas e particulares, em Bertioga

Como já é de praxe, revista especial 19 de Maio, do Sistema Costa Norte de Comunicação pode ser adquirida, na ocasião. A publicação também está sendo distribuída gratuitamente nos principais pontos comerciais e escolas públicas de Bertioga.

Mais de 8 mil pessoas participaram do desfile cívico-militar em comemoração ao 20º aniversário de Bertioga, segundo estimativa da PM (Polícia Militar) local. O evento aconteceu quinta-feira (19), na av. Vicente de Carvalho, centro.

O ponto alto foram as apresentações de escolas públicas e particulares, que este ano demonstraram dedicação, principalmente no ensaio das fanfarras e das performances apresentadas, que arrancaram aplausos do público. Os uniformes e fantasias tornaram as apresentações verdadeiras espetáculos.

Resgate da história

Como já é tradição, os emancipacionistas abriram o desfile e alguns descendentes já começam a ocupar o lugar dos titulares, como o caso do vereador Ney Lyra, que representou os pais Diney e Irene Lyra, já falecidos.

O resgate da história também esteve na abertura do desfile, com os representantes das diversas seções da prefeitura, que exibiram cartazes com fotos antigas do município, algumas da década de 1950.

Hino

O hasteamento das bandeiras aconteceu ao lado do palco, ao som do hino Nacional e de Bertioga, executados pela Orquestra Municipal, regida pelo maestro Joel Gonzaga.

Os índios guaranis da Aldeia Ribeirão Silveira emocionaram o público ao cantar o hino de Bertioga em tupi-guarani, cuja tradução foi feita por eles.

Envolvimento

A presença de um grande público nesse desfile é resultado de um cuidado que não se vê, na opinião do prefeito Mauro Orlandini. “O envolvimento, a integração do mundo escolar é a retribuição do trabalho que fazemos, que não colocamos ‘placa’”, afirmou o prefeito, referindo-se aos cursos que são desenvolvidos na área de esporte, educação e música. Ele ainda ressaltou a presença dos vereadores, afirmando que as questões partidárias, neste momento, ficam de lado “pelo bem da comunidade”.

A favor

Os 20 anos de emancipação, conforme avaliou o presidente da Câmara, Marcelo Vilares, demonstram que os emancipacionisas estavam certos. “Bertioga estava tomando a decisão certa, em favor do desenvolvimento. É o que vimos no desfile, com a grande participação do público”, finalizou.

Público estimado foi de 8 mil pessoas

Emancipação político-administrativa é a autonomia política de um grupo de pessoas (vila, bairro, cidade, distrito) em relação ao Estado e União, onde deixa de ser ligado ao município de onde se originou, passando a ser ente federativo como município.

Notícias Relacionadas

Comentários estão fechados

Sistema Costa Norte de Comunicação