Dilma Pena assume presidência da Sabesp

O secretário estadual de Saneamento e Recursos Hídricos, Edson Giriboni, e a presidenta da Sabesp, Dilma Pena

A 1ª presidenta da história da Sabesp, Dilma Pena, assumiu o cargo, oficialmente, nesta quinta-feira (27), em cerimônia realizada na sede da companhia, na capital. O anúncio sobre o comando dela na empresa já havia sido anunciado pelo governador Geraldo Alckmin, dias atrás. A meta da ex-secretária de Estado de Saneamento e Energia, na gestão do governo José Serra (PSDB) é a universalização dos serviços de saneamento no Estado de SP.
Como ex-secretária, Dilma destacou seu conhecimento em relação à estrutura da empresa. “Contribui para o crescimento da Sabesp e é fundamental que os projetos continuem, como quer o governador Geraldo Alckmin”.
Dilma assume o cargo no lugar de Gesner Oliveira, que, em seu discurso, destacou os investimentos nos 03 anos de sua gestão: cerca de R$ 7 bilhões, a redução de perda de água de 32% para 26%, além dos mais de 200 municípios com contratos com a Sabesp. Sobre Dilma, ele mencionou: “Ninguém é mais capacitada que a nova diretoria para assumir os desafios que aguardam a nova gestão.”

Novo regional
A cerimônia também marcou a apresentação do novo diretor de Sistemas Regionais da Sabesp: o engenheiro civil Luiz Paulo de Almeida Neto, que substituirá Umberto Semeghini na função.
Os ex-governadores tucanos, José Serra e Alberto Goldman, e o atual secretário estadual de Saneamento e Recursos Hídricos, Edson Giriboni, compareceram à posse, além de diversos outros políticos. O governador Alckmin não esteve presente.

Baixada Santista
A Unidade de Negócios da Baixada Santista foi destaque no evento. O superintendente responsável, Joaquim Hornick, também esteve na cerimônia e lembrou o trabalho realizado nos 02 últimos ano. Ele creditou o sucesso da unidade a seus funcionários. “Formamos um time e nos últimos 12 meses estamos em 1º lugar em negócios em todo o Estado”, comentou Hornick, lembrando que o 1º contrato para água de reuso foi firmado na Baixada Santista.
Para Hornick, a região está preparada para os novos desafios propostos pela Sabesp. “E Dilma é a pessoa capacitada para auxiliar a região”, completou.

Currículo
Dilma foi secretária de Saneamento e Energia na gestão do governo de José Serra. É mestre em Administração Pública pela Escola de Administração de Empresas de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas (1987) e Bacharel em Geografia pela Universidade de Brasília (1975).
No governo federal atuou como diretora de Saneamento da Secretaria de Política Urbana, diretora de Investimentos Estratégicos do Ministério de Planejamento e diretora da ANA (Agência Nacional de Águas). No Governo do Estado de SP foi secretária-adjunta da Secretaria de Economia e Planejamento e secretária de Estado de Saneamento e Energia. Possui vários artigos, textos e livros publicados nas áreas de saneamento, recursos hídricos e planejamento.

Notícias Relacionadas

Comentários estão fechados

Sistema Costa Norte de Comunicação