Guarujá entra em guerra contra abandono de carcaças de veículos em vias públicas

Ação ocorreu na avenida Mário Daige

Após definir ao final de abril, os procedimentos para retirada de veículos abandonados em ruas e avenidas de Guarujá e o local para onde eles serão encaminhados, a prefeitura intensificou nesta semana a retirada de carcaças de caminhões e carros das vias públicas.

No total, 5 carros e 2 carcaças de carretas abandonados nas ruas do Jardim Boa Esperança, Jardim Progresso, Jardim Alvorada, Monteiro da Cruz e na Marina Guarujá foram removidos pela Diretoria de Trânsito e Transporte Público para o Pátio Municipal, onde permanecerão à disposição dos seus proprietários por 90 dias. Caso não sejam reclamados irão a leilão público.

A ação comandada pela Secretaria de Defesa e Convivência Social retirou todas as carcaças abandonadas na avenida Mário Daige, atendendo a reivindicações da população local junto a Ouvidoria e a Central 153 da Guarda Civil Municipal.

Procedimento

Segundo o diretor de Trânsito e Transporte Público, Wilson Caruso, o processo de retirada é precedido de notificação dos proprietários via correspondência, pessoalmente ou por meio de edital no Diário Oficial da cidade. “Após a publicação, o dono tem 24h para retirar seu veículo do local. Caso não faça, a prefeitura guincha e o encaminha para o pátio. O dono ainda tem a possibilidade de tirar o veículo do local após pagar as taxas do guincho e do pátio. Se mesmo assim, o dono não aparecer, abre-se um edital e, de acordo com a lei, após 90 dias, o veículo vai a leilão”, conclui.

Notícias Relacionadas

Comentários estão fechados

Sistema Costa Norte de Comunicação