Hospital de Bertioga sofre adequações para atendimentos no Verão

FuABC aumentou número de repousos e reforçou equipe médica

O Hospital Municipal de Bertioga, gerido pela FuABC aumentou o número de leitos de repouso para atender a população da cidade que chega a quadriplicar no Verão. Segundo o superintendente da unidade, o medico Jurandyr José Neves, o número de leitos de observação masculino passou de 03 para 08, e o feminino de 02 para 05. “Esta medida é emergencial. Estamos usando o espaço do auditório do hospital para acomodar os pacientes que precisam ficar de repouso por algumas horas”, explicou.

O aumento leitos de repousos no Pronto Socorro é baseado nos números relativos a janeiro de 2010, quando os atendimentos passaram de 12 mil para 15 mil ao mês, em virtude do recebimento de muitos casos de virose (gastroenterocolite aguda) e dengue. “Com a conclusão das obras no prédio da administração sobrou mais espaço para estas adequações que são essenciais”, afirmou o superintendente.

Corpo clínico

Visando também o aumento de turistas durante todo o Verão, a FuABC informou ter reforçado seu corpo clínico. Diariamente, durante esta Temporada, o Hospital Bertioga conta com 11 médicos 24h, entre clínico-gerais, pediatras, ortopedistas, ginecologista, cirurgião geral e anestesista, além de cirurgião dentista. “Somos a única instância na região, em um raio de 50 km, para dar assistência a acidentes, afogamentos, ferimentos e casos clínicos como infartos, acidente vascular e outras patologias”, garantiu Jurandyr.

Álcool gel

E quem passar nos corredores da unidade já pode contar com o mais novo aliado no combate a prevenção à infecção hospitalar: o álcool gel. Esta medida da CCIH (Comissão de Controle de Infecção Hospitalar) visa conscientizar profissionais de saúde, acompanhantes e visitantes a sempre higienizar suas mãos.

O álcool gel é um anti-séptico potente, com ação fungicida, bactericida e viruscida que elimina a flora transitória, responsável pela maior parte das transmissões de infecção. Outra orientação aos pacientes é ao procurar o hospital, que vá com o menor número de acompanhantes possível, para evitar aglomeração e, principalmente, contaminações cruzadas.

Informatização

Também já está em funcionamento o Sistema de Gerenciamento de Dados, utilizado para cadastro dos pacientes. Com a informatização, todo o processo de cadastro antes do atendimento é agilizado, além de ser integrado com outros setores, como farmácia e laboratório, para controle de insumos e realização de exames.

Notícias Relacionadas

Comentários estão fechados

Sistema Costa Norte de Comunicação