Polícia investiga ameaça de envenenamento em escola pública

Ameaça surgiu em um grupo do jogo Baleia Azul, que estimula o suicídio

Uma ameaça de envenenamento em uma escola pública de Bertioga está circulando nas redes sociais na manhã desta quinta-feira, 20. Em um grupo do Facebook, o perfil de um garoto chamado Paulo Rígido dos Anjos publicou uma mensagem na qual informa que está participando do jogo Baleia Azul e chegou ao 35º desafio: colocar veneno na merenda escolar de alguma escola pública de Bertioga.

Na mensagem, o jovem diz que tem 22 anos, mora em Bertioga e pede desculpas às mães, mas afirma que é um desafio que ele tem que cumprir. A postagem foi publicada no grupo intitulado “BALEIA AZUL BRAZIL [MAD]” e reproduzida em diversos grupos do Facebook e Whatsapp. A repercussão gerou comoção e revolta de pais de alunos da cidade.

Questionada, a prefeitura de Bertioga afirmou que tomou conhecimento do caso e acionou a polícia. A secretária de Educação Rossana Aguilera registrou a ocorrência na Delegacia de Polícia de Bertioga. O delegado titular de Bertioga Sérgio Nassur informou que está investigando a situação e levantou dados com os funcionários da Secretaria de Educação. Segundo Nassur, tudo indica que a pessoa que publicou a mensagem deseja apenas criar pânico entre os moradores. “Nós analisamos outros grupos e vimos a mesma mensagem postada por outras pessoas em cidades diferentes. Vimos um post que citava Campo Grande, por exemplo”.

O delegado ainda explicou que o perfil de Paulo Rígido dos Anjos é falso e que ele não tem nenhuma ligação com a cidade de Bertioga. “Uma consulta simples no perfil mostra que ele não tem nenhuma amizade na cidade e região. Não é uma conta verdadeira”. Para localizar o autor das mensagens, o delegado solicitou o apoio da Delegacia de Crimes Cibernéticos, vinculada ao Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic). “É importante divulgar que esse crime não deixa a pessoa impune. Com o apoio do Deic, nós vamos rastrear o IP da pessoa que postou e ela será punida. A internet deixa rastros”, finalizou o delegado.

No início da tarde de quinta-feira, 20, o perfil foi excluído da rede social.

Baleia Azul

O jogo Baleia Azul começou em 2015 na Rússia e se espalhou pelo Brasil recentemente. É jogado pelas redes sociais e consiste em cumprir 50 desafios sinistros, como bater fotos assistindo a filmes de terror, automutilação e ficar doente. A etapa final é o suicídio. Existem dois registros de óbitos relacionados à Baleia Azul no Brasil: um em Minas Gerais e outro no Mato Grosso.

Confira a publicação na íntegra

“Meu nome é Paulo, tenho 22 anos. Moro em São Paulo, atualmente na cidade de Bertioga. Fui desafiado em meu 35º desafio a colocar veneno na merenda escolar de alguma escola pública aqui da minha cidade. Peço desculpas para as mães dos alunos, mas é um desafio, tenho que cumprir. Sexta-feira vou fazer, já comprei o veneno e escolhi a escola. Vocês vão ver no jornal! Obrigado pela confiansa! [sic]”.

Marina Aguiar

Foto: Reprodução/Facebook

Notícias Relacionadas

Comentários estão fechados

Sistema Costa Norte de Comunicação