Presidente da Sabesp faz visita técnica em Guarujá e Itanhaém

A presidente da Sabesp, Dilma Pena realizou vista técnica, nesta sexta-feira (06) a 2 importantes obras para o abastecimento de água na Baixada Santista: o sistema de captação e tratamento de água de Mambu-Branco, em Itanhaém, e a Estação de Tratamento de Água de Jurubatuba, em Guarujá. As duas obras recebem investimentos de R$ 493 milhões e a previsão de entrega de ambas é 23 de dezembro.

Em Itanhaém, a obra, que tem custo de R$ 413 milhões, vai beneficiar cerca de 2 milhões de pessoas, entre Peruíbe, Itanhaém, Mongaguá, Praia Grande e a área continental de São Vicente.

Em Itanhaém, Dilma considerou o cronograma satisfatório e dentro do previsto. “Trata-se de uma obra que vai triplicar a vazão de água e beneficiar os municípios, principalmente durante o Verão”.

A capacidade de tratamento de Mambu-Branco é de 1,6 mil litros de água por segundo, na 1ª etapa do empreendimento, sendo mil litros por segundo provenientes do rio Branco e 600 litros por segundo do rio Mambu.

O prefeito de Praia Grande, Roberto Francisco dos Santos, de Mongaguá, Paulo Wiazowski, e o vice de Itanhaém, Ruy Santos, acompanharam a visita.

Cronograma

Em Guarujá, Dilma solicitou o empenho da empreiteira para o cumprimento do prazo de conclusão. “O cronograma está ‘apertado’, mas não convivemos com a hipótese de não inaugurar em dezembro. Essa obra é muito importante para a população”, disse.

Com custo de R$ 40 milhões, a obra conta com 2 reservatórios de 10 mil litros cada e capacidade para tratar 2 mil litros de água por segundo. A capacidade de reservação será aumentada em 30% e atenderá cerca de 1,2 milhão de pessoas da cidade.

30 anos

A 1ª fase das 2 obras, com previsão de término em dezembro, vai garantir o tratamento e abastecimento de água para as duas regiões envolvidas por até 10 anos. Segundo Dilma, com o sistema totalmente implantado, o abastecimento será garantido por até 30 anos.

Notícias Relacionadas

Comentários estão fechados

Sistema Costa Norte de Comunicação