Surf e Praia Para Todos chega na Enseada, em Bertioga

Expectativa é atender uma média de 300 pessoas por dia

A Praia da Enseada, em Bertioga, estará ainda mais ‘crowd’ (lotada) nesse final de semana (26 e 27). Tudo por conta do projeto estadual Surf e Praia Para Todos, que está sendo desenvolvido desde a última quarta-feira (23), durante o período diurno, em frente à antiga Praça de Esportes Radicais, no centro. No local há aulas de surfe gratuitas para qualquer interessado na modalidade. O evento já passou por Itanhaém, São Vicente, Praia Grande, Santos, São Sebastião, Caraguatatuba e Ubatuba. Ao todo, 100 mil pessoas já aprenderam a surfar com o projeto. Em Bertioga, a expectativa é atender uma média de 300 pessoas por dia.

Previsão do tempo
“Estamos com 78 pranchas, a maioria delas Long Board, e como o mar não estará grande será mais fácil para aprender”, explica o surfista Alexandre Viana, um dos organizadores. A previsão do tempo para esse fim de semana aponta ondas de meio metro nesse trecho da praia.
O projeto Surf e Praia Para Todos é uma realização da Secretaria de Estado de Esportes, Lazer e Juventude, com apoio da prefeitura de Bertioga, Associação de Surf e Poliesportiva de Bertioga e Revista Alma Surf.

Campeonato local
E, no próximo dia 19, acontece a 1ª etapa do Circuito Bertioguense de Surf. A disputa será na Praia do Indaiá. Além da etapa inicial, o circuito terá mais 02 disputas: no Canto de São Lourenço (em julho) e na Praia da Enseada (em outubro).

Clínica de vôlei
Ainda neste domingo (27), a partir das 10h, o Sesc-Bertioga promove um bate-papo e uma clínica de vôlei de praia com a atleta Sandra Pires, na praia, bem em frente à colônia de férias. Sandra foi medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Atlanta, onde se tornou a 1ª brasileira campeã olímpica, ao lado de Jacqueline Silva, e medalha de bronze em Sidney.

Notícias Relacionadas

Comentários estão fechados

Sistema Costa Norte de Comunicação