União e Independente na final do Campeonato Bertioguense de Futebol

No domingo, a semifinal da temporada teve dez jogos de cinco categorias disputados nos campos do Grêmio, do Indaiá e do Sesc

 

Graças às vitórias conquistadas em partidas realizadas no último domingo, 8 de outubro, o União, do Jardim Paulista,  e o Independente, de Boraceia, disputarão a final do 1º Quadro, a categoria principal, do Campeonato Bertioguense de Futebol, no próximo dia 22, em local a ser definido. Ambos os times brigarão pelo bicampeonato.

Na oitava e penúltima rodada do certame, no campo do Sesc, o União venceu o Grêmio, campeão de 2016, por 4 x 1. Já no campo do Indaiá a briga foi mais dura entre o Independente e o Guaratuba, que chegaram ao fim dos 90 minutos de jogo empatados em 1 x 1. Junielson marcou para o Independente aos 22 minutos do primeiro tempo. E Fleidson fez o gol do Guaratuba aos 25 minutos do segundo tempo. A decisão veio nos pênaltis, com cinco gols do Independente contra quatro do Guaratuba.

No mais clássico jogo do futebol de Bertioga, o União saiu na vantagem com um gol marcado por Paulinho no primeiro tempo. No início do segundo tempo, Rafael fez um gol para o Grêmio. Mas logo a aflição dos torcedores do União deu lugar à satisfação, com os sucessivos gols marcados por Arantes, Tiago e Robinho.

Apreensivo enquanto o placar registrava empate, Chiquinho do Pastel, presidente do União, era só alegria ao fim da partida: “Começamos o campeonato acreditando que nosso time iria chegar na final. Fizemos uma campanha boa. Este foi um jogo muito positivo, com os dois times correndo bastante para fazer gol, mas nossos meninos jogaram bem, e agora estamos na final”.

Ao longo de todo o domingo, dez jogos da liga foram disputados na semifinal da temporada, também no campo do Grêmio, na Vila Itapanhaú, nas categorias Veteranos 35, Veteranos 40, Veteranos 50 e 2º Quadro, protagonizado por jovens aspirantes, além do 1º Quadro.

Na avaliação do presidente da Liga Bertioga de Futebol, Manoel Fernandes de Jesus, conhecido como Laranjinha, o campeonato de 2017 demonstrou a evolução do nível técnico dos times, com muitos gols, e também do nível disciplinar.

No campo do Indaiá, o juiz deu quatro cartões amarelos para o Independente e dois para o Guaratuba. No Sesc, o Grêmio teve um cartão amarelo, enquanto o União teve cinco, um deles para Robinho, que tirou a camisa para comemorar o quarto gol do time.

Para Laranjinha, especialmente importante foi a realização das partidas das categorias Veteranos 35 e 1º Quadro no Sesc. “Desde o início dos anos 1980 não tínhamos um jogo oficial nesse gramado tradicional e glorioso. Foi um domingo emblemático para o futebol bertioguense”, conclui o presidente da Liga Bertioga de Futebol.

Estela Craveiro

Foto: JCN

Notícias Relacionadas

Comentários estão fechados

Sistema Costa Norte de Comunicação