A delegação do Flamengo desembarcou no Rio de Janeiro no início da manhã desta quarta-feira após empatar em 1 a 1 com o Racing, na Argentina, pelas oitavas da Libertadores. Os jogadores receberam folga e se reapresentam nesta quinta-feira, no Ninho do Urubu.

A exceção foram os jogadores que precisam de tratamento médico. O atacante Pedro e o zagueiro Rodrigo Caio, que permaneceram no Rio, continuaram suas atividades de recuperação de lesões musculares. A dupla teve a companhia do lateral-direito Isla, que sentiu dores na coxa no aquecimento em Buenos Aires e não entrou em campo.

Bom dia, Nação! Acabamos de pousar no Rio de Janeiro. ??⚫️ pic.twitter.com/3wiSTpvUUY

Loading

— Flamengo (@Flamengo)

A partida de volta contra o Racing será na próxima terça-feira, no Maracanã, mas a presença dos lesionados é incerta. Além disso, o técnico Rogério Ceni ganhou novos problemas com as expulsões de dois zagueiros na noite desta terça. Thuler foi expulso por jogada violenta e Natan, mesmo no banco de reservas, por reclamação.

Ceni evitou fazer uma previsão sobre a volta desses atletas. O treinador, contudo, minimizou a substituição de Gabigol no início do segundo tempo. O camisa 9 estava afastado com uma lesão na coxa e retornou contra o Racing, mas deixou o campo no começo da etapa final.

"A gente vai ter uma avaliação melhor a partir de quinta-feira, quando a gente retornar aos treinos. O Gabriel jogou 56, 57 minutos. Já era previsto", disse Ceni na coletiva após o jogo em Buenos Aires.

Após o empate com o Racing, o técnico analisou a partida e projetou a semana de preparação para o jogo de volta. pic.twitter.com/KRpLMaRzF7

Loading

— Flamengo (@Flamengo)

Também em coletiva, o próprio Gabigol garantiu que não voltou a sentir a lesão na coxa: "Eu vim de uma lesão no tornozelo, depois acabei sentindo a coxa. Mas estamos tomando todos os cuidados que a gente pode. Estou treinando bem, me sentindo bem. Mas tem que ter cuidado. Nosso departamento médico vem tomando esse cuidado. Era meio que programado jogar só essa etapa de jogo", disse o atacante.

Com o jogo diante do Grêmio pelo Brasileiro adiado, o Flamengo terá uma semana para treinar pela primeira vez desde o final de agosto. Esta será uma oportunidade para Rogério Ceni, no clube há duas semanas, preparar melhor a equipe.

Alexandre Vidal/Flamengo

"Vamos ter agora essa próxima semana para fazer com que o time evolua, cresça um pouco mais. Amanhã e quinta vamos fazer com que os jogadores que jogaram se recuperem. Para quem não jogou, já começamos o treino na quinta. Quem jogou na sexta começa a acelerar um pouquinho mais para chegarmos melhor no jogo da próxima terça", afirmou Rogério Ceni.

Como na Libertadores existe a regra do gol qualificado, para avançar às quartas o Flamengo pode empatar em 0 a 0 no Maracanã. O empate em 1 a 1 leva à disputa de pênaltis, e por mais gols dá a vaga ao Racing.Gazeta Esportiva