Em sorteio realizado nesta sexta-feira, a Conmebol definiu o chaveamento das fases finais da Copa Libertadores. Nas oitavas de final da competição, o Palmeiras enfrenta o Delfín, do Equador, um adversário inédito para o clube alviverde.

Este será o primeiro confronto entre as duas equipes na história. Como conquistou a melhor campanha da fase de grupos, com 16 pontos na liderança do Grupo B, o Verdão disputa a primeira partida no Equador e decide a vaga no jogo de volta como mandante, no Allianz Parque.

Se o Palmeiras foi o melhor time da fase anterior, o Delfín terminou com a segunda pior campanha entre os classificados. A equipe equatoriana somou apenas sete pontos nas seis partidas, classificando-se na segunda colocação do Grupo G.

Ainda não há data exata definida, mas os confrontos das oitavas de final acontecem entre os dias 24 de novembro e 3 de dezembro.

Se avançar para as quartas de final, o elenco palmeirense terá pela frente Libertad, do Paraguai, ou Jorge Wilstermann, da Bolívia, que duelam entre si. Os outros confrontos da chave são Independiente del Valle x Nacional-URU e Athletico Paranaense x River Plate. O Verdão enfrentará uma dessas quatro equipes se seguir vivo até a semifinal.

A Libertadores tem sido um dos pontos altos do Palmeiras em 2020. Além de ser a equipe de melhor campanha, o elenco alviverde tem a segunda melhor defesa da competição, com dois gols sofridos, atrás apenas do Boca Juniors, que sofreu um. Além disso, a equipe é dona do segundo melhor ataque, com 17 gols anotados, atrás do River Plate, que tem 21.

?? Confrontos definidos! Assim ficaram as chaves da 2020! Quem é o favorito pela ? pic.twitter.com/CvhLrGCypp

Loading

— CONMEBOL Libertadores (@LibertadoresBR) Gazeta Esportiva