Uma balsa de 400 toneladas está sendo montada dentro do Rio São Jorge, na Zona Noroeste de Santos. A embarcação dará suporte à construção da ponte que ligará o Bom Retiro ao São Manoel e que passará sobre esse trecho das águas. A obra integra o Programa Nova Entrada de Santos.

O engenheiro engenheiro da Queiroz Galvão, Cesar Rizzo Fiuza falou sobre este momento da obra: “Estamos em fase final de posicionamento dos equipamentos que serão colocados em cima da balsa e, na sequência, será realizada a cravação das estacas, a execução das fundações e as estruturas da ponte”.

Participe dos nossos grupos ℹ  http://bit.ly/CNAGORA8  🕵‍♂Informe-se, denuncie!

Com 18 metros de largura por 32 metros de comprimento, a balsa receberá dois guindastes que cravarão as 66 estacas dentro do rio. Um rebocador (barco) será utilizado para mover a balsa quando necessário e também será usado como apoio para levar materiais durante os trabalhos.

ETAPAS

Mais de 92% da dragagem do rio São Jorge já foi realizada. No momento, os trabalhos se concentram na revisão do fundo do rio para verificar se há algum  sedimento restante e na secagem do que foi retirado e será enviado para destinação adequada. Outras frentes de trabalho estão avançando no canteiro de obras, como a concretagem de 34 vigas e o lançamento de 20 delas.  

O prefeito de Santos, Paulo Alexandre Barbosa, esteve no canteiro de obras acompanhando todos os passos do empreendimento. A equipe do Programa Nova Entrada de Santos e da Queiroz Galvão também vistoriaram os trabalhos. Disse o prefeito: “Essa é uma etapa muito importante e uma das mais difíceis para realizar a conexão entre os bairros Bom Retiro e São Manoel e também com a via Anchieta. Estamos usando metodologias construtivas avançadas e empenhados em entregar a obra para que as pessoas possam usufruir com qualidade dessa conquista tão esperada pelos santistas”.