Como forma de evitar aglomerações nas praias, algumas cidades da Baixada Santista, optaram pela implantação - novamente - de barreiras sanitárias. Tratam-se de barreiras rodoviárias que impedem ou restringem a entrada de veículos nos municípios.

Participe dos nossos grupos ➤ https://bit.ly/GUARUJAINFO Informe-se, denuncie!

A tática foi adotada em quase todas as cidades da região no início da pandemia de coronavírus e voltou a ser implantada nesta semana com o regresso de todo o estado de São Paulo à fase amarela do Plano São Paulo. 

Confira as cidades que limitarão o acesso:

undefined

A prefeitura de Guarujá começou a organizar na quinta-feira, 3, barreiras rodoviárias para controlar os acessos de ônibus, vans e similares com fins turísticos. A emissão de licenças para a entrada desses veículos na cidade está suspensa, conforme as medidas tomadas após a reclassificação da Baixada Santista para a fase amarela do Plano São Paulo. 

As barreiras vão funcionar 24 horas e estão montadas em seis pontos de acesso à cidade, em ligações com a rodovia Cônego Domenico Rangoni e também nas travessias de balsas de Santos e Bertioga. A fiscalização vai ficar a cargo da Diretoria Municipal de Transporte Público (DTP), com apoio da Guarda Civil Municipal e das diretorias de Trânsito e Força-Tarefa.

Há bloqueios na avenida Vereador Lydio Martins Corrêa (acesso à Enseada e Morrinhos), na avenida Tancredo Neves (acesso ao bairro Cachoeira), rodovia Cônego Domenico Rangoni, avenida Santos Dumont (em frente à UPA da Rodoviária).

Santos

A prefeitura de Santos realizou barreiras sanitárias no último fim de semana (27, 28 e 29 de novembro), antes mesmo da reclassificação da região como fase amarela. A motivação foi o aumento de casos de covid-19 no município.

A barreira será realizada novamente neste fim de semana e pretende impedir a entrada de vans e ônibus de turismo na avenida Martins Fontes, no Saboó, e na avenida Presidente Wilson, no José Menino.

A medida deve reduzir a quantidade de pessoas nas praias. A operação é realizada pela Guarda Civil Municipal (GCM), em conjunto com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) e a Secretaria de Turismo (Setur), com apoio da Polícia Militar.

Para este fim de semana, alguns veículos de city tour já haviam obtido permissão da Setur para chegar às praias da cidade. Estes não terão acesso impedido. Contudo, está temporariamente suspensa a emissão de novas autorizações.