Um vídeo de uma discussão envolvendo três homens, em um condomínio de luxo, circula na internet com grande repercussão.  O que chama a atenção são as ofensas contra o motoboy, que seria um entregador. O ato, pode ser considerado racista e classicista. 

Participe dos nossos grupos ℹ📲  https://bit.ly/GUARUJA2  Informe-se, denuncie!

Alterado o agressor questiona o salário do rapaz e diz:  "você tem inveja disso aqui", ao apontar para a própria pele do braço. Ele também sugere que o rapaz teria inveja do local onde se encontram e das famílias que vivem ali e reforça: "você nunca terá isso aqui" e em outro momento ainda diz, de forma grosseira: "você não tem nem onde morar".  

O rapaz, identificado apenas como Mateus, se mantém tranquilo e questiona se o agressor trabalhou para ter tudo aquilo, ou se foi adquirido do pai, o qual responde: "já nasci rico".

O outro rapaz apenas questiona porque eles estão brigando e pergunta para o motoboy porque ele não foi embora. Ele diz que chamou uma viatura e está esperando. 

Pelo Facebook, a reportagem conseguiu contato com uma pessoa que seria amiga da mãe do rapaz ofendido e esta disse que a agressão moral ocorreu em Valinhos, interior de São Paulo. Mas não há confirmação. 

O perfil que seria da mãe do motoboy  não deu retorno aos questionamentos. 

 ·