A pavimentação e recuperação da malha viária em Guarujá têm aprimorado a mobilidade urbana e valorizado os imóveis com as obras de infraestrutura. Até o fim do ano, está prevista a recuperação de 350 vias e a implantação de ciclovias. 

Participe dos nossos grupos 👉 http://bit.ly/COSTANOTÍC2 📲 Informe-se, denuncie! ℹ

Para isso, a prefeitura recuperou e conquistou aproximadamente 147 convênios que atendem a vários bairros, entre eles, Astúrias, Cachoeira, Jd. Conceiçãozinha, Enseada, Las Palmas, Pae Cará, Perequê, Pitangueiras, Santa Maria, Santo Antônio e Vila Zilda. Com isso, já foram recuperadas 220 vias, entre elas as avenidas Puglisi, Marjory Prado, Thiago Ferreira, Antenor Pimentel, Acaraú e Prefeito Raphael Vitiello.

Estes esforços têm sido implementados nos últimos quatro anos, sendo que 102,96 km de vias estão sendo atendidas e, destas, 70% já receberam melhorias. 

Ciclovias

Outro fator que contribuiu com a mobilidade urbana e a redução de mortes de ciclistas é a recuperação e aumento da malha cicloviária do município, que atualmente soma 70 km. 

Dados divulgados, no início do ano, pelo Sistema de Informações Gerenciais de Acidentes de Trânsito do Estado de São Paulo (Infosiga- SP), revelam que Guarujá está entre as cidades da Baixada Santista que reduziu o número de mortes de ciclistas.

Guarujá registrou em 2018 o total de oito mortes. Já em 2019 foram seis, uma redução de 25%. A prefeitura atribui o resultado aos investimentos em ciclofaixas e ciclovias e também em educação no trânsito.

Segundo a Diretoria de Trânsito nos últimos anos foram implantados 10 km  de ciclovias, além de recuperação de mais de 50 km.  No último ano, foi implantada ciclovia na avenida Marjory Prado e nas ciclofaixas nas praias das Astúrias e Pitangueiras. Foram realizadas também interligações entre a Praia do Tombo e Astúrias; e entre Astúrias e Pitangueiras.

Entre o cicloviário revitalizado, estão: ciclofaixa da Praia da Enseada, ciclofaixa da Estrada de Pernambuco, ciclovia da avenida Thiago Ferreira (Vicente de Carvalho), ciclofaixa na avenida Puglisi (Centro). Além da implantação de mais de 40 bicicletários nas praias.

Além disso, ainda neste ano, a prefeitura prevê a implentação de mais de 15 km de ciclovias, distribuídos entre a ciclofaixa na avenida Caiçaras (ligando a balsa às praias das Astúrias, Tombo e Guaiúba), ciclovia interligando a Enseada e outra na avenida Tancredo Neves.