Em vídeo enviado ao Sistema Costa Norte , um grupo de pescadores relata uma suposta mancha de óleo em Guarujá, entre o Farol da Moela e o Guaiúba, que seguia em direção à praia do Tombo. Os pescadores pedem a ajuda das autoridades para a resolução do problema. 

Em resposta ao problema a Secretaria de Meio Ambiente (Semam) de Guarujá informa que "ainda na manhã de hoje, 8, acionou todas as autoridades afins – entre as quais, Ministério do Meio Ambiente, Marinha, Ibama, Codesp e Cetesb –, que estão em alerta máximo  e monitorando a  mancha  que surgiu próxima ao Farol da Moela. Não está descartada a possibilidade de ser uma grande proliferação de algas".

Participe dos nossos grupos ℹ  http://bit.ly/CNGUARUJA2  🕵‍ Informe-se, denuncie!

A Secretaria relata também que "as autoridades estão recolhendo material para análise, mas, a princípio, não há qualquer ligação com as manchas de óleo surgidas a partir do Nordeste brasileiro. As praias do Guaiúba, Tombo e Astúrias estão em monitoramento permanente pelas equipes da Semam e, até as 17 horas de hoje, não há notícia de qualquer toque".