Um morador do bairro Indaiá, em Bertioga, criticou a ausência de iluminação na orla da praia do Indaiá. "Há três meses apagaram as lâmpadas da avenida Tomé de Souza. São quatro quarteirões nesta rua que beira a orla da praia e fica totalmente no escuro".

Participe dos nossos grupos ℹ http://bit.ly/COSTAAGORA 🕵‍♂Informe-se, denuncie!

Segundo ele, os usuários acabam contado apenas com a iluminação de imóveis particulares. "Desligar as luzes da praia é uma coisa, mas desligar a iluminação pública da rua é completamente diferente. Depois das 19 horas fica impossível caminhar. Pessoas usando drogas vão pra região e colocam em risco qualquer pessoa que passe ali", disse.

De acordo com a prefeitura, as luzes da faixa de areia e da orla da praia de toda a cidade foram apagadas em decorrência da pandemia do novo coronavírus, para que não haja aglomeração de pessoas. Também informou que não houve pedido da prefeitura para desligar iluminação que não seja da orla da praia.

Durante entrevista no programa Café da Manhã, da TV Cultura Litoral, o prefeito de Bertioga, Caio Matheus, explicou que a cidade está seguindo as determinações do governo do estado. "Estamos na fase, amarela, o decreto permite utilização faixa de areia e da orla, das 6 da manhãs as 6 da tarde, tão logo possamos flexibilizar a utilização desse trecho, ligaremos a luz", declarou.

O prefeito ainda afirmou que, com a medida de desligamento das luzes da orla, a prefeitura alcançou uma economia de R$ 50 mil. "Vamos ser inteligentes, se não pode usar, não é pra ninguém ir. Se ninguém vai, não tem porquê a gente ficar gastando 50 mil reais de luz por mês", finalizou.

A prefeitura ainda que o serviço de atendimento para a população solicitar melhorias na iluminação pública é feito pelo telefone (13)  3319-8035.