Atendendo aos apelos da prefeitura  de Guarujá, a Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp) fez a contratação emergencial de uma empresa para realizar a manutenção dos acessos ao Porto de Guarujá, começando os serviços em abril.

Participe dos nossos grupos ℹ  http://bit.ly/CNGUARUJA  

Já no dia 24 de abril, foi iniciada a segunda etapa dos serviços, começando pela rua do Adubo, atendendo o trecho mais crítico da via - de aproximadamente 200 metros, que estava impactando os caminhões.

No local, foram realizados reparos na pavimentação e limpeza da galeria de águas pluviais, executada pela Secretaria Municipal de Operações Urbana (Seurb). O trecho recebeu 142 toneladas de asfalto. Nesta semana, começam a executar melhorias pontuais na via.

Conforme o titular da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Portuário (Sedep), Alexandre Trombelli, a prefeitura está ampliando o relacionamento com os terminais e Autoridade Portuária. “Temos uma previsão de incremento nas operações portuárias já em 2019, acarretando em mais desenvolvimento e recursos para o município. Temos que trabalhar em sinergia com todos os agentes envolvidos, para que as operações portuárias causem o menor conflito possível com a cidade”, pontuou.