A diretoria da União dos Vereadores da Baixada Santista (Uvebs) realiza nesta sexta-feira, dia 7, às 9 horas, no Teatro Guarani, em Santos, uma Audiência Pública Regional sobre o fim do Fundeb.

Participe dos nossos grupos ℹ bit.ly/CNAGORA5 🕵‍♂Informe-se, denuncie!

O Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação foi criado pelo Governo Federal através da Emenda Constitucional 53/2006, que coloca a vigência do mesmo até o final de 2020.

O aporte de recursos aos municípios foi criado para ajudar a custear as despesas em educação. E na Baixada Santista, o montante é empregado quase que em sua totalidade no pagamento de professores.

O grupo teve outros eventos prévios, bem como um encontro com a deputada federal Rosana Vale, que se comprometeu a reivindicar a presença de um representante do Ministério da Educação no evento.

Para a vereadora Audrey Kleys (Progressistas-Santos), a audiência servirá para esclarecer o futuro dos municípios. “O que se sabe é que o Ministério da Educação já declarou que não vai terminar. Mas, qual vai ser a proposta? Começar do zero? Vai dar tempo? Precisamos saber”, comentou.

O presidente do colegiado, vereador de Praia Grande, Roberto Andrade e Silva, o Betinho (MDB), ressaltou a importância da bandeira. “O Fundeb, assim como o financiamento da educação, como um todo, são questões que atingem diretamente a qualidade do ensino e seu desenvolvimento”, finalizou.