O político Levy Fidelix morreu aos 69 anos vítima de covid-19 às 20 horas na noite de sexta-feira (23). O anúncio da morte foi comunicado pelo seu Twitter na madrugada de hoje (24). 

Ele estava internado em um hospital particular de São Paulo desde março.

Levy foi fundador do PL (Partido Liberal) e era fundador-presidente do PRTB (Partido Renovador Trabalhista Brasileiro. O partido, responsável pela publicação de sua morte, lamentou o falecimento.

Loading

Levy Fidelix era jornalista, publicitário e empresário e iniciou a vida pública em 1986, quando fundou o PL e concorreu às eleições para deputado estadual por São Paulo. Tembém fundou três revistas e comandou programas na TV Bandeirantes e SBT.

Concorreu a 14 pleitos, mas não foi eleito em nenhum. Em uma das candidaturas, à prefeitura de São Paulo, em 1996, apresentou a famosa proposta do Aerotrem, um trem de alta velocidade que resolveria os problemas de mobilidade urbana na cidade.

Disputou a corrida presidencial nos anos de 2010 e 2014 e apoiou o então candidato Jair Bolsonaro em 2018. Sua última disputa em eleições foi em 2020, quando se candidatou a prefeitura de São Paulo.

Fidelix era casado com Aldinea Rodrigues Cruz e tinha uma filha, Lívia Fidelix.