A Secretaria Municipal de Saúde de Praia Grande divulgou na manhã de sexta-feira, 4, o último balanço atualizado de casos de coronavírus na cidade. De acordo com a secretaria, 32.408 exames foram colhidos desde o começo da pandemia.

Participe dos nossos grupos ➤ http://bit.ly/LITORALNORTEINFO Informe-se, denuncie!

Atualmente são 10.866 casos confirmados, 637 notificações seguem sob suspeitas do coronavírus, investigadas e com acompanhamento da Vigilância Epidemiológica; 40 pessoas estão internadas, 21 em UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

Outras 10.411 estão recuperadas; 307 praia-grandeses perderam a vida para o vírus; 41 óbitos seguem em investigação.

A divisão de casos entre os bairros também mantém o padrão verificado desde o início dos levantamentos semanais, dos 32 bairros, 14 já somam vítimas fatais. Aparecida contabiliza o maior número de casos e óbitos.

Confira a lista completa de onde são os moradores com casos confirmados em Praia Grande:

Andaraguá ➤ 3;

Anhanguera ➤ 472 (12 óbitos);

Antártica ➤ 390 (15 óbitos);

Aviação ➤ 407 (7 óbitos);

Boqueirão ➤ 345 (16 óbitos);

Caiçara ➤ 287 (13 óbitos);

Canto do Forte ➤ 706 (21 óbitos);

Cidade da Criança ➤ 23;

Esmeralda ➤ 322 (10 óbitos);

Flórida ➤ 27;

Glória ➤ 113 (5 óbitos);

Guilhermina ➤ 552 (20 óbitos); 

Imperador ➤ 2;

Maracanã ➤ 209 (6 óbitos);

Melvi ➤ 254 (8 óbitos);

Militar  0;

Mirim ➤ 207 (8 óbitos);

Nova Mirim ➤ 507 (13 óbitos);

Ocian ➤458 (16 óbitos); 

Princesa ➤118 (2 óbitos); 

Quietude ➤ 296 (5 óbitos);

Real ➤ 84 (3 óbitos); 

Ribeirópolis ➤ 304 (9 óbitos);

Samambaia ➤411 (17 óbitos);

Santa Marina ➤ 61;

Serra do Mar ➤ 0;

Sítio do Campo ➤ 576 (22 óbitos); 

Solemar ➤39 (1 óbito); 

Tupi ➤ 548 (16 óbitos); 

Tupiry ➤ 344 (9 óbitos); 

Vila Sônia ➤ 733 (23 óbitos);

Xixová ➤ 3.

Até o fechamento desta matéria, 2.065 pessoas não tiveram o relatório por bairro identificado, entre elas, 30 vítimas fatais.

Você sabe quais são os principais Sintomas?

Os sintomas da COVID-19 podem variar de um resfriado, a uma Síndrome Gripal-SG (presença de um quadro respiratório agudo, caracterizado por, pelo menos dois dos seguintes sintomas: sensação febril ou febre associada a dor de garganta, dor de cabeça, tosse, coriza) até uma pneumonia severa. Sendo os sintomas mais comuns:

➤ Tosse

➤ Febre

➤ Coriza

➤ Dor de garganta

➤ Dificuldade para respirar

➤ Perda de olfato (anosmia)

➤ Alteração do paladar (ageusia)

➤ Distúrbios gastrintestinais (náuseas/vômitos/diarreia)

➤ Cansaço (astenia)

➤ Diminuição do apetite (hiporexia)

➤ Dispnéia ( falta de ar)

Sabe onde procurar ajuda?

Inicialmente, como em todo o país, a principal recomendação é que os munícipes só saiam de casa em situações necessárias, principalmente pessoas que apresentem quadros de gripe. Porém, caso a situação evolua para falta de ar excessiva, é necessário procurar algum serviço de saúde: primeiramente alguma Unidade de Saúde da Família (USF) e, em necessidade de alguma intervenção mais aguda, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA).