Guarujá continua no combate à dengue, zika e chikungunya em todo o território, seguindo todos os protocolos de segurança em função da covid-19. Neste ano, os agentes de controle de endemias já vistoriaram mais de 100 mil casas. A partir de segunda, 7, até sexta-feira, 11, estão previstas vistorias nos bairros Santa Rosa (sede do município) e Pae Cará (Vicente de Carvalho).

Participe dos nossos grupos ➤ https://bit.ly/GUARUJAINFO 📲  Informe-se, denuncie!

Segundo a coordenadora de Combate às Endemias da cidade, Ana Lúcia Gama Cruz, o apoio da população é essencial. “Os locais onde encontramos maiores focos do mosquito Aedes aegypti são quintais, ralos externos, pratos de plantas, garrafas pet e pneus”, alerta.

Além do casa a casa, as equipes atuam em pontos estratégicos, como ferros-velhos, borracharias e imóveis especiais (locais com grande circulação de pessoas). Já em bairros com casos confirmados, é realizado bloqueio de nebulização com uso de inseticida.

A prefeitura também conta com uma equipe de denúncias. Para informar alguma situação ou tirar dúvidas, a população pode ligar para o número (13) 3341-6569.

Servidores

Os agentes utilizam Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), como máscaras e luvas, visando  sua própria segurança e a dos munícipes contra a Covid-19.

Além dos EPIs, os servidores estão utilizando crachá e uniforme para visitar as casas. Para facilitar a identificação, o agente utiliza uniforme da cor branca e o supervisor, azul marinho, ambas com a seguinte frase na frente: ‘Todos juntos contra o Aedes aegypti – Guarujá’. Na manga esquerda está o brasão da Prefeitura e, nas costas, a informação: ‘Prefeitura de Guarujá, Secretaria de Saúde, Controle de Dengue’.