Na madrugada desta terça-feira, 29, o mundo atingiu a marca de um milhão de óbitos em decorrência covid-19. A contagem, realizada pela Universidade médica Johns Hopkins, nos Estados Unidos, abrange 188 países do mundo e tem sido referência de confiabilidade.

De acordo com a última contagem da universidade, das7h23 de hoje, Estados Unidos é o país com mais mortes, contabilizando  205.091 ocorrências. O Brasil é o segundo país em que mais pessoas morreram, com 142.058 óbitos, seguido por Índia, com 96.318 óbitos.

Participe dos nossos grupos 👉 http://bit.ly/COSTANOTÍC2 📲 Informe-se, denuncie

O mundo acumula, de acordo com a mesma contagem, 33.389.891. Os três países com mais casos são os mesmos com mais mortes, com o Brasil (4.745.464) em terceiro, trocando de posição com a Índia (6.145.291), em segundo, e Estados Unidos em primeiro (7.150.118).

Neste sábado, 26, às vésperas do mundo atingir a marca de 1 milhões de óbitos, a Organização Mundial de Saúde (OMS), alertou que se não forem adotadas medidas para conter a propagação da infecção por covid-19, o planeta pode registrar mais de dois milhões de mortes.