Equipes do 2º Batalhão de Ações Especiais de Polícia (Baep) realizam uma operação, na comunidade Prainha, em Guarujá, na tarde desta quarta-feira, 26, em busca de criminosos responsáveis pela execução do policial militar, José Aldo dos Santos, de 49 anos. Ele foi morto a tiros de fuzil, na manhã desta quarta-feira, 26, no distrito de Vicente de Carvalho, em Guarujá. O PM trabalhava há 23 anos na corporação e, atualmente, era lotado na 3ª Cia de Polícia Militar, em Bertioga. 

Segundo a Polícia Militar, por volta das 7h30, um automóvel de cor preta, com quatro indivíduos, fechou o veículo de passeio de , cabo da PM, que trafegava pela rua Maranhão. Em seguida, dois homens armados com fuzis desceram e passaram a disparar contra o policial. Após atirarem cerca de 70 vezes, os criminosos fugiram. 

O carro utilizado pela quadrilha, VW/Polo, foi encontrado queimado, por volta das 10 horas, no bairro Monte Cabrão. O corpo da foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Guarujá e o veículo passou por perícia, pelo Instituto de Criminalística. http://d.costanorte.com.br/seguranca/22128/preso-homem-que-furtou-arma-de-policial-morto-em-vicente-de-carvalho