Um homem suspeito de promover rinhas e criar galos para apostas ilegais foi preso pela Polícia Civil na terça-feira, 29. A ação foi realizada por meio da Delegacia de Polícia de São Roque (Deinter 7), em conjunto com policiais civis da Delegacia do Meio Ambiente de Curitiba (PR), e visava o cumprimento de um mandado de prisão e outro de busca e apreensão, expedidos pela Justiça do Paraná.

Participe dos nossos grupos 👉 http://bit.ly/COSTANOTÍC2 📲 Informe-se, denuncie! ℹ

As investigações apuraram que o suspeito estava criando os animais em gaiolas em uma propriedade em São Roque. Durante a ação, foram encontrados cerca de 40 galos "índios de briga", mantidos em viveiros de madeira.

Os policiais civis também localizaram equipamentos metálicos e plásticos utilizados para ferir os animais, além de uma espingarda de pressão e medicamentos usados para melhorar a performance das aves e auxiliar no tratamento dos ferimentos.

O homem foi preso e levado para Curitiba (PR), onde ficará à disposição da Justiça. Os galos  serão avaliados e encaminhados para uma instituição.

Fonte: Polícia Civil SP